RECEITAS DE CERVEJA ARTESANAL – 5 ESTILOS MAIS FÁCEIS PARA VOCÊ COMEÇAR

Tempo de leitura: 5 minutos

Desde que a cerveja artesanal caseira foi legalizada, os cervejeiros tinham pouco acesso a insumos; nada mais do que uma lata de extrato pré lupulada e um pacote de fermento de pão seco para preparar suas receitas de cerveja artesanal.

Os resultados muitas vezes não eram como o esperado e normalmente eram facilmente previsíveis.

Hoje em dia as coisas mudaram. Um grande mercado de lojas de cerveja artesanal caseira normalmente tem uma grande variedade de maltes frascos e lúpulos de toda parte do mundo e dezenas de de diferentes culturas de leveduras cervejeiras tudo otimizado para cada umas das receitas de cerveja artesanal.

Para ajudar, reunimos cinco receitas de cerveja artesanal mais simples para quem está começando a fazer suas brassagens.

Também incluímos algumas sugestões para que você possa dar a cerveja a sua cara.

1. SMASH PALE ALE

Smash Pale Ale - Receitas de Cerveja Artesanal

O conceito dessa receita de cerveja artesanal é a mais simples que já encontramos.

A Smash Pale Ale é uma cerveja single malte e single hop. Usando apenas um malte e um lúpulo você será capaz de saber exatamente a contribuição do sabor exato fornecido por cada ingrediente.

Recomendamos começar com um malte Inglês, de preferência Maris Otter e um lúpulo clássico americano.

Com essa combinação você terá um um corpo maltado com notas de pão e um cítrico proveniente do lúpulo americano.

Dicas

Experimente ir trocando os ingredientes uma de cada vez.

Por exemplo, faça um lote com o lúpulo americano Cascade e outro com o Inglês East Kent Golding e você terá um grande exemplo de como as notas de cítrico e frutado do Cascade diferem do floral e herbal que o Kent Golding apresente.

Ou então manter os maltes e o lúpulos e utilizar um fermento Inglês pra ver quais sabores ele pode acrescentar nas suas receitas de cerveja artesanal.

2. IPA AMERICANA

IPA Americana - Receitas de Cerveja Artesanal

A IPA Americana é um grande estilo de cerveja artesanal para os cervejeiros caseiros.

Se você gosta de um sabor cítrico, frutado e picante essa é a sua receita de cerveja artesanal.

Uma das característica da IPA Americana é a grande quantidade de lúpulo utilizada na receita, trazendo um amargor e aromas bastante presentes.

O segredo é saber equilibrar o malte para que a cerveja não fique muito doce e acabe por esconder a principal característica das IPA que é o lúpulo.

Umas das combinações mais famosas e eficazes das IPA´s é a dos lúpulos que começam com a letra C.

  • Cascade
  • Centennial
  • Chinook
  • Citra
  • Columbus

Cada uma oferece níveis variados de amargos e aroma cítricos e de pinho.

Usa-los em grandes quantidades no final da fervura pode maximizar o sabor e o aroma da cerveja.

Para manter o dulçor do malte, utilize uma dose de açúcar de milho na fervura.

O açúcar fermentará completamente deixando o corpo da cerveja mais seco em relação a sua potência.

Dicas

Outra conjunto de lúpulos que tem grande afinidade com as IPA são Warrior, Simcoe e o Amarillo.

Utilize o Warrior para conferir amargor utilizando no começo da fervura e quantidade semelhantes de Simcoe e Amarillo no final da fervura para uma cerveja com sabor picante e de frutas tropicais.

3. WEISSBIER

Weissbier - Receitas de Cerveja Artesanal

Com uma presença marcante de cravo, espuma com bastante bolhas e sabor de banana, as cervejas de trigo são cervejas fáceis de fazer.

A receita utiliza malte pilsen, malte de trigo e algum malte especial para dar a cor, normalmente utiliza-se o cara hell.

O lúpulo é utilizado em pouco quantidade normalmente no começo da fervura evitando que a cerveja fique muito doce.

Usa-se fermento alemão próprio para esse estilo de receita de cerveja artesanal.

Dicas

Utilize uma levedura de cerveja americana e um pouco de lúpulo americano no final da fervura e obtenha uma American Wheat (Cerveja americana de trigo).

4. SAISON BELGA

Saison Belga - Receitas de Cerveja Artesanal

Quando se fala em preparar uma receita de cerveja artesanal refrescante, é difícil vencer o estilo Saison Belga.

Este estilo de cerveja foi feito historicamente para os trabalhadores agrícolas como compensação da temperatura durante a colheita no verão.

Saison são extremamente fáceis de preparar se você seguir o plano certo. A chave está na fermentação, uma vez que é a levedura que vai criar os sabores da cerveja.

As leveduras Belgas clássicas são muito boas, mas são notoriamente pouco confiáveis. Talvez ao invés de usar uma belga pode tentar uma levedura francesa Wyeast ou uma levedura Saison.

O lúpulo mais indicado para esse estilo é o Sorachi Ace que traz caraterísticas de limão.

Dicas

Substituir o Sorachi Ace pelo Citra e adicionar casca de laranja fresca nos últimos 5 minutos da fervura para uma pegada mais tropical.

5. DRY STOUT

Dry Stout - Receitas de Cerveja Artesanal

Todo Irlandês diz que no dia de St Patrick é certo de se utilizar uma levedura inglesa para assegurar de que nossa cerveja terá o caráter de malte seco como diz o próprio nome.

Essa secura mostrará o sabor afiado da cevada torrada e da cevada em flocos.

É parecida com uma Guinness só que melhor.

Dicas 

Se quiser deixar sua cerveja um pouco mais forte pode acrescentar um extrato de malte e mais malte chocolate e crystal, juntamente com um pouco de lúpulo americano no final da fervura.


Não se esqueça de se inscrever em nossa newsletter para receber as atualizações do nosso blog.

Novidades Prazeres da Casa

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!>


Referências:

http://www.mensjournal.com/expert-advice/5-easy-homebrew-recipes-guaranteed-to-impress-20150303